INSPIRAÇÃO SMARTPHOTO

Projeto 365

Será este, provavelmente, o projeto fotográfico mais difícil de imaginar (razão pela qual ainda não tive coragem de o enfrentar…). Durante 365 dias – um ano completo – devemos tirar e partilhar uma fotografia. Este simples ato pode implicar uma dinâmica e uma logística que nem sempre é fácil de gerir.

Não sei se estou a ver alguém a usar diariamente e de forma ininterrupta, a câmara fotográfica. Há sempre um dia em que não carregamos a bateria, não dá jeito levarmos a máquina (porque é perigoso ou porque não é permitido), porque não é suficientemente portátil, …. enfim!

Conheço muita gente, incluindo fotógrafos, que (estupidamente??) não usam facebook… Podem usar outras redes sociais, mas ignorar o facebook é eliminar uma elevada fatia de potenciais clientes ou conhecedores do seu trabalho. Nesta perspectiva, qual a razão de nos darmos a esse trabalho diário para não termos com quem o partilhar? A obrigatoriedade de publicação faz com que nos mantenhamos activos.

Há uma imensidão de entraves que podemos inventar para alimentar um dos pecados capitais: a preguiça! Inércia à parte, é altura de explicar como funciona e como podemos tirar partido deste desafio.

Há já uma imensa comunidade de fotógrafos que se empenha na execução do(s) seu(s) projeto(s) 365. Online, há fóruns e grupos de discussão onde a partilha de trabalhos e conhecimento é elevada. Estas fontes poderão ser vantajosas para, num período de preparação para o projeto 365, percebermos quais as principais dificuldades enfrentadas por quem está no meio. Podemos ainda usar essas mesmas fontes como inspiração para as nossas próprias fotografias.

Quanto à execução real do projeto, na minha opinião o mais acertado é utilizarmos um dispositivo móvel, aquele que nos acompanha realmente para todo lado e cuja dependência é levada ao extremo: o smartphone! É importante termos acesso à internet com ligação à nossa conta de facebook, pinterest, instagram, … de modo a que possamos partilhar a “foto do dia” de uma forma imediata. E há o software de edição de imagem que, independentemente de qual plataforma usemos (android, iOs ou windows), existe aos montes e alguns deles de forma gratuita. Obviamente que o método tradicional de fotografar, tratar a imagem num qualquer computador e fazer a partilha da fotografia “a partir de casa”, mas aumentamos a possibilidade de falhar. Tendo o material necessário e as condições reunidas, é altura de avançar!

Assim, e na minha opinião apenas assim, conseguiremos cumprir com um objetivo exigente como este. O objetivo de um projeto deste tipo não é a qualidade da imagem em termos de definição e de qualidade de impressão. O enquadramento, a visão do fotógrafo e o sentido de oportunidade podem dar resultados muito positivos.

Talvez me tenha entusiasmado com este artigo e seja altura de iniciar o meu projeto 365! Quanto a vós, boa sorte com o vosso 365!

Artigos que podem interessar

    Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia