Blog DIY INSPIRAÇÃO

Tão idiota quanto genial. O verdadeiro McGyver do DIY


Tempo de Leitura: 2 minutos

A FOTO GURU apregoa aos 7 ventos que não é preciso gastar milhões para ter uma solução ideal. Seja ela em termos de cenário, equipamento ou até mesmo de execução, o importante é o resultado final. Idiota é, sem dúvidas, aquele que tem ideias!

Sempre que vemos uma adaptação mirabulante de utensílios do dia a dia, ficamos radiantes. Radiantes porque percebemos que há alguém, por esse mundo fora, que é tão (ou mais) idiota que nós.

Antes de mais deixem-me referir que a palavra “idiota” aqui usada é significado de “quem tem ideias” e não na sua vulgar utilização mais prejorativa… Adiante!

Têm sido vários os artigos que tenho escrito acerca da utilização de subterfúgios para alcançar o melhor dos resultados. Já evidenciamos inclusivé o perfil de uns quantos fotógrafos que consideramos ser mestres na arte de “inventar”. Os resultados é que importam e nem sempre a fraca figura é significado de incapacidade financeira para adquirir a solução mais tradicional.

Dos Estados Unidos da América chega-nos a história de um fotógrafo japonês. Nishihiro é o idiota de serviço e traz-nos uma utilização prática para um dos utensílios mais ridículos da humanidade. Trata-se de um capacete para beber cerveja. Ideal para o mais preguiçoso dos adeptos desportivos que prefere usar os membros superiores para reunir um pouco mais de … comida. Deixa assim a bebida entregue a uma invenção tão genial quanto estúpida.

 

fotografia retirada da internet

 

Acontece que o dito fotógrafo que agora corre nas bocas do mundo, decidiu substituir as latas – para as quais foi desenhada inicialmente a solução – por dois flashes. Esta simples e singela alteração permite-lhe ter sempre a melhor iluminação…

 

fonte: Petapixels

 

Mas a verdadeira surpresa acontece sempre que, à frente de cada flash, Nishihiro coloca dois difusores, conferindo-lhe um aspeto mais… Walt Disney.

 

fonte: Petapixels

 

Escusado será dizer que este Senhor é agora uma lenda viva da fotografia oriental e tem o seu trabalho a circular por todos quantos têm acesso a esta notícias. Não só foi inteligente em arranjar uma solução mais barata, como a usou para se promover perante a comunidade.

O DIY não é apenas uma questão de poupança. Pelos vistos podemos usá-la também para nos promovermos e promover o nosso trabalho. Bendito seja este “idiota”!

 

Ler também


Artigos que podem interessar

Sem Comentários

    Deixe um Comentário

    Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia